google-site-verification: google017bb71d9a9a4749.html

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Saúde

devido a problemas de saúde, estarei me ausentando do blog temporariamente,mas breve estarei de volta com todo vapor, se Deus quiser e Ele há de querer. abraços.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Filme A Noviça Rebelde

eu até pensei em rever o "A Noviça Rebelde" agora que o filme completa 45 anos.mas além de eu ter cada cena na minha memória fruto das inumeras vezes que vi o filme na época que foi lançado no Brasil e também com o medo de me decpcionar vendo o filme hoje.  o filme é um conto de fadas onde tudo da certo no final. se na época era um tanmto o quanto açucarado deve ter virado melado com o tempo. prefiro ficar com minhas lembranças das musicas e das cenas.'ainda guardo muitas lembranças daquela cena de abertura', contou Julie Andrews em entrevista exclusiva ao Estado, por telefone, na tarde de sexta-feira. 'tive de rodar 12 sequências até conseguirmos a medida exata.' tamanho cuidado não era preciosismo - A Noviça Rebelde foi o último dos grandes musicais a fazer um enorme sucesso: ganhou 5 Oscars (incluindo filme e direção), além de livrar a Fox da falência provocada pelo fracasso de Cleópatra. aliás, A Noviça Rebelde foi o filme que desbancou ...E o Vento Levou (1939) como a maior bilheteria do cinema, interrompendo o reinado de 26 anos do longa estrelado por Vivien Leigh Clark Gable. baseado no musical de Hammerstein e Rodgers, o filme de Wise, que tem roteiro de Ernest Lehman, conta a história (real) da Família Trapp pelo ângulo de Maria (Julie Andrews), a noviça distraída mas extremamente amável e dedicada que vai trabalhar como babá na casa do capitão e barão Von Trapp (Christopher Plummer). lá, ela conquista as crianças, casa-se com o barão e vivem todos felizes para sempre - mas só depois de escapar dos nazistas, que estão anexando a Áustria e querem transformar o capitão nacionalista em um colaborador exemplar.


 

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Presente

de presente para meus amigos e leitores o link para baixar um dos mais belos filmes já produzidos "A Viagem do Capitão Tornado" 1990 - Ettore Scola, com Massimo Troisi, Ornella Muti, Vincent Perez, Emmanuelle Béart, Jean-François Perrier, Lauretta Masiero, Toni Ucci, Massimo Wertmüller, Tosca D'Aquino, Giuseppe Cederna     e legendado. assistam e depois me contem.



http://www.megaupload.com/?d=XKF3C4T1

Tati Caran

minha amiga Tati Caran é filha da famosa brucha das ervas Mali Caran. ambas administram aqui em São francisco Xavier um herbário delicioso. banhos, temperos, amor e magia. o local é aconchegante e repleto de cores, odores e sabores. os produtos são da melhor qualidade e eu uso e dou de presente. mas o blog é de cinema não é não? entonces o filme preferido da Tati é o "Comer, Rezar e Amar" 2010 foi o ultimo que ela viu.ela não lebrava o nome do diretor, é o Ryan Murphy, mas não se procupe eu também nunca vi mais gordo ou magro. Liz Gilbert (Julia Roberts) tinha tudo o que uma mulher moderna deve sonhar em ter – um marido, uma casa, uma carreira bem-sucedida – ainda sim, como muitas outras pessoas, ela está perdida, confusa e em busca do que ela realmente deseja na vida. recentemente divorciada e num momento decisivo, Gilbert sai da zona de conforto, arriscando tudo para mudar sua vida, embarcando em uma jornada ao redor do mundo que se transforma em uma busca por auto-conhecimento. em suas viagens, ela descobre o verdadeiro prazer da gastronomia na Itália; o poder da oração na Índia, e, finalmente e inesperadamente, a paz interior e equilíbrio de um verdadeiro amor em Bali. baseado no best-seller autobiográfico de Elizabeth Gilbert, Comer, Rezar, Amar prova que existe mais de uma maneira de levar a vida e de viajar pelo mundo. bem se eu me animar e assistir falo mais para voces.




video

domingo, 31 de outubro de 2010

Filme A Prova de Morte

terminando de assistir "Os Bastardos" fui dar uma olhada na filmografia do Tarantino. vi 1 ou 2 títulos que não vi mas os outros, inclusive o episódio de CSI Las Vegas eu vi. entre os qu não vi um título me chamou a atenção "À Prova de Morte" achei estranho o título em fui ma busca para conferir. encontrei o filme assisti imediatamente. se eu tinha achado "OS Bastardos" muito violento o que dizer de "À Prova"? não sei. estrelado por Kurt Russell."À Prova" conta a história três amigas que saem para se divertir numa cidadezinha dos EUA e chamam a atenção de todos por onde passam, inclusive a do misterioso Stuntman Mike, um dublê temperamental que se esconde atrás do volante do seu carro indestrutível. resolvido o caso das três moças o rapaz que tem uma cicatriz horrorosa no rosto parte em busca de novas aventuras. agora o alvo do criminoso são quatro belas amigas. mas dessa vez ele não terá sorte igual. todas as mulheres do filme são lindas e gostosas e Tarantino mais uma vez mostra seu fetiche por pés femininos. muitos closes de pés. o filme é verborrágico e fala de coisas particulares dos personagens aparentemente sem nenhuma relação com espectador que é só isso: espectador das aventuras das moças. até explodir a violência sem sentido de Quentin. mas eu gosto. principalmente quando o vilão se da mal. assistam e me contem depois.

Filme Bastardos Inglórios

eu ja disse aqui que sou avesso à violência no cinema, nos filmes. já parei de ver filmes só imaginando o que o mocinho ou mocinha poderiam sofrer dali para frente. parece bobo ma eu sou assim. bobo mesmo. mas quando se trata da violência do Quentin Trantino a coisa muda de figura.  eu gosto.e gosto muito.  talvez por que ele extrapole qualquer limite aceitável. desde "Cães de Aluguel"  1992, passando por "Pulp Fiction" 1994 "Jackie Brown" 1997 "Kill Bill 1" 2003 e "Kill Bill 2"  2004 que acompanho a carreira do moço e sempre me surprendendo com a violência das cenas. são inesquecíveis. uma principalmente do Michael Madsen em "Cães" torturando o policial e depois colocndo fogo no homem ainda vivo é de uma crueldade sem precedentes. e por que eu gosto tanto dessa cena. por que ela não me sai da lembrança se não gosto de violência? será que exorciso nele meu lado negro que escondo trancado a sete chaves? pode ser. por que não? pode ser a explicação. ontem assisti a "Bastardos Inglorios" 2009. eu não tenho conhecimento se "os bastardos" realmente existiram ou se a resistência francesa teve momentos de crueldade com os nazistas como mostra o filme. não sei. mas senti prazer em ver os nazistas sofrerem nas mãos dos bastardos. senti prazer em ver Hitler perder a sempre aparente calma e confiança diante daquela situação. eu nunca pensei em ver no cinema uma cena de escalpo tão realista. os indios dos filmes americanos escalpelavam os cara pálidas. mas eu nuncca vi acontecer. no máximo aparecia uns cabelos nas mãos dos selvagens. mas Tarantino mostra sem dó nem piedade um escalpo completo. não só um. alguns. é terrível. mas de alguma forma nos sentimos desforrados. s se os nazistas mataram com requintes de crueldade milhões de judeus, homossexuais, negros, ciganos e outras minorias o que são 100 escalpos para cada 1 dos 8 soldados recrutados?



sábado, 30 de outubro de 2010

Link Premiado

oi meus amigos. estou concorrendo no Link Premiado. se eu ganhar vou ter meu banner em local de destaque e assim atrair mais visitantes para meu blog. então da uma força aí e votem em mim aí do lado certo? grato. abração

A sence